Fabricando tijolos de adobe

A preparação para o curso de bioconstrução me apresentou o desafio de fabricar tijolos de adobe.

Muito havia ouvido falar mas nunca tinha estado, conscientemente, perto de um tijolo de adobe e muito menos fazia idéia de como seria fabricá-los.

Bem, tive que me virar e fiz conforme me foram indicando meus amigos Jorge, Tomaz e Cecília. E qual não foi minha surpresa ao ver meus tijolinhos darem certo.

Para fabricar os tijolos de adobe você precisará de terra, esterco fresco de vaca ou cavalo, palhada, água e formas.

MATERIAIS

A composição ideal da terra deve ser 60 a 70% de areia e 30 a 40% de argila.

Para verificar essa característica pegue um frasco de vidro grande e de boca larga. Preencha com a sua terra até 1/3 do volume e depois complete com água até 2/3 do volume.

Para o meu  teste utilizei garrafas pet, mas me pareceu que não aconteceu uma boa separação do material, assim, recomendo que se use potes de vidro mesmo!

Faça uma agitação bem intensa e depois deixe descansar. As partículas irão se separar e a areia irá para o fundo ficando a argila por cima. Por último fica a água que deve estar bem límpida. Medindo a altura da areia e da argila se define a porcentagem de cada uma.

teste terra

A terra que será utilizada deve ser retirada a partir de uns 50cm de profundidade, pois a camada mais superficial costuma ter boa quantidade de matéria orgânica em decomposição (serrapilheira, raízes, restos de animais e plantas,…) e esse material pode influenciar negativamente na qualidade do tijolo.

No meu caso a proporção estava ao contrário, muito mais argila que areia, por isso comprei areia para preparar uma boa mistura de terra. Para a mistura usamos 7 pás de areia para 3 pás de terra.

Como aditivos usa-se o esterco e a palha.

O esterco ajuda na estabilização química do tijolo e a palha na estabilização física.

As formas podem ser feitas de madeira ou metal. Quanto mais lisas forem as paredes internas mais facilmente se solta o tijolo. As dimensões variam de acordo com a necessidade, mas seria bom que o tijolo tivesse o comprimento igual a duas vezes a largura e a altura próximo à medida da largura. É conveniente colocar “abas” para levantar a forma.

Podem ser individuais, duplas ou quádruplas, ter formatos variados, por exemplo, em formato de cunha, com cantos arredondados, meio-tijolo, …

Fizemos formas simples e duplas de madeira. As dimensões são 20cm x 10cm x 10cm.

forma dupla

forma simples

modelos formas

O PREPARO

Para preparar a massa faça uma pequena depressão no solo e cubra com uma lona plástica grande. Coloque os ingredientes e vá pisando para juntar tudo. Acrescente a água, bem devagar. A massa deve ficar bem plástica e moldável. Muita água e perde a forma, muito seca, se esfarela.

A quantidade de água é variável e depende do grau inical de umidade do material utilizado (terra, areia).

O esterco utilizado deve ser fresco, de preferência.

Na minha “fábrica” fizemos algumas experiências.

Para a primeira receita utilizamos uma betoneira, que eu já tinha. Misturamos a terra, a areia, o esterco e a água. À medida que a betoneira ia trabalhando percebemos que a água começou a “sobrar” e a massa ficou mole. Acrescentam0s mais terra, areia e esterco.

betoneira 1

A terra e a areia que utilizamos estavam muito molhadas devido à chuva dos dias anteriores, por isso acredito que acabamos usando pouca água na mistura.

Na receita seguinte colocamos bem pouca água  e a massa ficou com boa consistência.

Para a terceira receita utilizamos a lona plástica e a betoneira. Misturamos a terra com a areia e o esterco na betoneira, despejamos na lona e fomos pisando enquanto acrescentávamos a palha e a água. Quando fizemos essa receita a terra estava mais seca e então usamos mais água.

Ficou muito bom. De início achei que coloquei muita palha, aí acrescentei mais da mistura básica e cheguei a um bom ponto.

Depois de bem amassada comece a fazer os tijolos. Molhe as formas pois assim os tijolos saem com mais facilidade.

Faça bolas com a  massa e jogue dentro da forma preenchendo bem os cantos. Retire o excesso de massa e desenforme o tijolo.

Tijolo e forma

Após retirar o tijolo passe a forma novamente na água e retire qualquer resíduo que tenha ficado grudado.

molhando formas 1

Os tijolos são postos para secar e depois de dois dias devem ser virados.

tijolos secando

Para a secagem completa dos tijolos pode demorar de poucos a vários dias dependendo das condições climáticas e da quantidade de umidade inicial do tijolo.

Em períodos mais úmidos é mais demorado, períodos mais secos e ensolarados seca mais rápido.

About these ads

149 responses to this post.

  1. Posted by tomazlotufo on 14 de agosto de 2009 at 9:20

    Oi Karen, tudo jóia!
    Você fez uma apresentação muito boa e didática sobre o tijolo de adobe. Parabéns, grande contribuição para quem quer bioconstruir.

    Abração

    Tomaz

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 17 de agosto de 2009 at 17:20

      Oi Tomaz,
      Agradeço o elogio!
      Espero que o artigo seja útil!
      Grande Abraço,
      Karen

      Curtir

      Resposta

      • Posted by Juny Carvalho on 13 de agosto de 2012 at 10:39

        Sim, Karen, será super útil pra mim tbm… tenho uma reforma numa casinha de adobe pra fazer… Ah, vc sabe que tipo de traço devo usar para montar as paredes com esse tijolo? É feito de cimento comum mesmo com água e areia ou algum “traço” especial? Vc me ensina?

        Curtir

      • Posted by Karen on 17 de agosto de 2012 at 22:47

        Olá Juny,
        Basicamente a massa para assentar os tijolos é a mesma com a qual fazemos os tijolos.
        Para informações mais detalhadas sugiro que de uma olhada no blog da Casa da Montanha. Tem muitas receitas e alternativas por lá e o pessoal tem praticado mais que eu.
        Sucesso na empreitada!
        Sds,
        Karen

        Curtir

    • Posted by Aline on 28 de maio de 2011 at 15:23

      ola,
      sou do colegio agricola de Palmeira-pr, seria possivel vc responder uma pergunta se for possivel e se souber a resposta?
      na fabricação do adobe pode ser usado palha verde de azevem?
      muito obrigada pela atenção.

      Curtir

      Resposta

      • Posted by Karen on 28 de maio de 2011 at 22:44

        Olá Aline,
        Até onde sei a palha deve ser seca.
        Quanto a ser de azevem não há problema.
        O importante é que seja inteira não picada.
        Se for possível faça o cortte e deixe secar e aí utilize.
        Sds,
        Karen

        Curtir

  2. Posted by Tania Periotto on 5 de setembro de 2009 at 23:43

    Caros,

    Sou pedagoga e estou na busca de um material para a construção de uma casa da roça onde passa estar recebendo grupos escolares e da 3 idade para trabalhar com o resgates historico da vida no campo e educação ambiental. A confeccção de tijolos me interessou muito. A questao está: O uso destes tijolos são carcateristicos de alguma regiao do Brasil? Quero focar no Paraná. em caso negativo, qual seria a sugestao para o material? Outro ponto, para o acentamento dos tijolos, qual o material utilizado? Se pudere me auxiliar neste questionamento ficarei grata. Obrigada, Tania

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 11 de setembro de 2009 at 15:19

      Olá Tania,
      Estou elaborando um material para responder mais corretamente ao seu questionamento.
      Em breve estarei postando alguma coisa sobre o assunto.
      Agradeço o contato.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

      • Posted by Adiel on 18 de outubro de 2009 at 22:45

        Karen,

        Gostei de sua explicação. Mas gostaria de fazer um adobe representativo de onde moro onde a terra é vermelha (Londrina,Pr).
        Preciso fazer um adobe que mantenha a cor natural da terra.
        Pode me ajudar?
        Adiel

        Curtir

      • Posted by Karen on 4 de novembro de 2009 at 22:35

        Olá Adiel,
        A cor do tijolo será a cor da terra utilizada.
        No meu caso a terra é mais escura, por isso a cor do tijolo é a que aparece nas fotos.
        Espero ter ajudado, mas se tiver mais dúvidas entre em contato.
        Sds,
        Karen

        Curtir

  3. Posted by Mateus Barão on 18 de setembro de 2009 at 17:34

    Oi Karen,
    Qual a porcentagem de esterco que se deve usar? Este tem que ser realmente fresco? Já Vi outros textos em que não citam o esterco na composição, assim como já vi outros que o citam. Na sua opinião é imprescindível?
    Vocês fizeram quantas formas?
    Em quantas pessoas trabalharam?
    Quantos tijolos prepararam tempo? E quanto tempo levaram?
    Agradeço desde já?
    Um abraço,
    Mateus Barão

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 4 de novembro de 2009 at 22:43

      Olá Mateus,
      A porcentagem de esterco é aproximadamente 20%. Eu usei principalmente esterco fresco de vaca. Não é imprescindível mas recomendo o uso. O esterco fresco colabora para uma estabilização química do tijolo.
      Eu fiz uma forma dupla e duas formas simples e preparamos uns 70 a 80 tijolos por manhã. Erámos duas pessoas trabalhando.
      Para que o tijolo possa ser usado deve estar bem seco e o tempo de secagem varia com o clima. Tempo mais seco seca mais rápido. Não é bom colocar direto no sol poi pode favorecer o aparecimento de trincas.
      Caso ocorra chuva deve-se cobrir os tijolos.
      Se tiver masi dúvidas entre em conatao.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  4. Posted by julia on 21 de outubro de 2009 at 15:48

    gostei muito do que li,mas fiquei com uma duvida: quanto por de esterco e palha, quanto por de areia e de terra pra fazer 100 tijolos. gostaria que me repondesse. obrigado

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 4 de novembro de 2009 at 22:31

      Olá Julia,
      O esterco é aproximadamente 20% da quantidade de terra usada.
      A palha não tem uma quantidade definida, é meio “a olho”. Vá colocando aos poucos até que tenha uma massa bem misturada em que é possível perceber bem a presença da palha.
      A mistura de terra pronta (30 a 40% de argila e 60 a 70% de areia) necessária vai variar com o tamanho dos tijolos.
      Vou verificar quanto fiz de massa e posteriormente te dou uma estimativa do volume necessário.
      Precisando de mais informações entre em contato.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  5. Posted by Aroldo on 22 de dezembro de 2009 at 13:35

    Olá Karem. Quero construir uma casa ecologica e estou procurando por mais informações sobre o adobe, uma pergunta. Na mistura do barro com a água, pode-se colocar farelo de madeira. Aquele que se encontra nas serrarias após o corte da madeira? Obrigado.

    Curtir

    Resposta

  6. Posted by Carla giacomini on 11 de janeiro de 2010 at 21:50

    Assisti um programa no canal rural onde havia uma parede de adobe, achei lindo, gostaria de fazer algo assim em minha propriedade, tu tens algum livro explicando sobre a fabricação?É simples como vc colocou no passo a passo? Gostaria de saber se é imprescindível rebocar ou pode ficar aparente?Aguardo resposta, obrigada.

    Curtir

    Resposta

  7. ola estou um pouco confusa quanto a qualidade da palha,seria a palha do trigo,arroz,a palha de milho serveria?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 20 de janeiro de 2010 at 18:34

      Olá Isaura,
      Você pode utilizar a palha de arroz e trigo ou mesmo um campim longo e fino. A palha de milho só poderia ser utilizada se for rasgada em tiras finas.
      A palha deve ser totalmente envolvida pelo barro e formar como que uma trama e esse efeito não se consegue com a plha de milho inteira.
      Espero ter ajudao.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  8. Posted by Ivia on 3 de fevereiro de 2010 at 9:43

    Prezados,
    Gentileza informar-me qual produto(alternativo ou nao), deve ser utilizado para protecao do adobe `a vista, uma vez que nas paredes internas nao pretendo pinta-los e nem reboca-los.
    Desde ja’ agradeco pela colaboracao!
    Atenciosamente,
    Ivia

    Curtir

    Resposta

  9. Posted by Eliaquim on 10 de agosto de 2010 at 23:25

    gostaria de saber a diferença entre argila, areia e barro???

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 15 de agosto de 2010 at 17:30

      Olá Eliaquim,
      De forma muito resumida podemos dizer que argila é um mineral com dimensões muito pequenas e a areia tem dimensão maior.
      O barro seria o solo composto com alta porcentagem de argila.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

      • Posted by Eliaquim on 10 de setembro de 2010 at 14:17

        tem alguma material que eu passa ler que me ajude a entender melhor as diferenças entre areia; terra; argila???

        Curtir

      • Posted by Karen on 15 de setembro de 2010 at 23:29

        Olá Eliaquim,
        Você irá encontar essa informação em livros que tratem de solos, pedologia ou geologia.
        Não tenho nenhum específico que possa indicar.
        Sds,
        Karen

        Curtir

  10. Posted by leia on 10 de setembro de 2010 at 1:52

    Os tijos de ceramicas são colados com cimento….Gostaria de saber com que se cola os tijojos de adobe? a posição de se colocar durante a constução é a mesma do outro tijolo?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 15 de setembro de 2010 at 23:27

      Olá Leia,
      Os tijolos de adobe são assentados com a mesma massa que se usou para fazer os tijolos.
      A posição é a mesma utilizada nas construções tradicionais.
      Sds,
      KAren

      Curtir

      Resposta

  11. Posted by Mara on 17 de setembro de 2010 at 7:45

    Olá Karen,
    Tenho dúvidas se na construção utilizando-se adobe existe o risco do aparecimento de barbeiros, e para o reboco qual material eu deveria utilizar.
    Muito obrigada, e gostei muito da matéria.Parabéns!
    Mara

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 17 de setembro de 2010 at 14:52

      Olá Mara,
      O problema com os barbeiros irá acontecer em princípio se você deixar frestas onde esles possam se esconder, não obrigatoriamente pelo fato de a construção ser de adobe.
      Faça um bom reboco, sem trincas ou rachaduras, na parte interna e externa da construção, que esse problema não deve acontecer.
      Em princípio o reboco também é feito com a mesma massa do tijolo e que é utilizada para o assentamento dos mesmos.
      Muito me alegra que a matéria esteja sendo útil para tantas pessoas.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  12. Posted by Rodrigo on 20 de setembro de 2010 at 10:18

    Olá karen;
    Gostei muito das informaços aqui obtidas, mais fiquei com uma grande duvida: esse TIJOLO é composto de areia, terra, esterco e palha; Estes tijolos não seriam absorventes de mais ? Seria possivel construir uma casa encostada em um barranco? Os tijolos aguentaria a umidade do terreno?
    Obrigado.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 20 de setembro de 2010 at 10:51

      Olá Rodrigo,
      Em geral as contruções com terra devem ser isoladas de qualquer umidade.
      São necessários alicerces de pedra ou cimento, beirais largos para evitar o “ataque” da chuva e rebocos eficientes.
      Eu não recomendaria a construção com tijolos de adobe na situação que você menciona.
      Em todo caso, como não sou especialista no assunto, recomendo que você faça a mesma pergunta ao nosso amigo Tomaz Lotufo no site http://www.bioarquiteto.com.br.
      Acredito que ele seja mais capacitado para informar como proceder nesse caso.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  13. Posted by Patricia on 5 de outubro de 2010 at 14:53

    Olá Karen,
    finalmente alguém postou algo na internet ensinando o passo a passo, as medidas e tudo o mais que precisa para se construir com Adobe. Admiro a sua iniciativa não egoísta, dividir permacultura é essencial se quisermos “progredir” para uma nova vida.

    Abraço e agora vou acompanharteu blog sempre!

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 6 de outubro de 2010 at 14:11

      Olá Patricia,

      Muito me agrada saber que pude colaborar para resolver as dúvidas de alguém!
      Que bom que o artigo lhe valeu.
      Agradeço também a “audiência”.
      Espero poder continuar à altura das expectativas.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

      • Posted by Adailton David on 30 de novembro de 2010 at 7:27

        como rebocar e reformar uma casa construida no adobe?

        Curtir

      • Posted by Karen on 3 de dezembro de 2010 at 10:42

        Olá Adailton,
        O reboco usado em adobe é a mesma massa do próprio tijolo. Para fazer a massa veja as informações no post sobre tijolo de adobe aqui no blog.
        Quanto a uma reforma tem que ver o que você pretende fazer. A diferença entre uma estrutura de alvenaria comum e de construção com terra é o material.
        Mas os requisitos técnicos estruturais são os mesmos.
        No uso da construção com terra ainda tem que haver um cuidado maior com isolamento da umidade.
        Acesse os links A Casa da Montanha e BioArquiteto no blogroll e ali poderá ter mais algumas informações.
        Sds,
        Karen

        Curtir

  14. Posted by RAFAEL DE SOUZA CAMPOS on 4 de janeiro de 2011 at 21:40

    oi Karen gostaria de saber se pode uzar cimento na mistura ?obrigado.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 14 de janeiro de 2011 at 11:42

      Olá Rafael,
      O cimento pode sim ser utilizado em misturas de terra. Temos o conhecido solo-cimento e também o CALFITICI.
      O importante é lembrar a proposta de se construir com terra que é utilizar o máximo possível de recusrso existentes no próprio local.
      O cimento é um ingrediente que deve ser usado com muito carinho em pequenas quantidades e em situações específicas.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  15. Posted by Solano Augusto on 11 de janeiro de 2011 at 21:44

    Karen adorei suas dicas, vou construir as formas e comecar a fazer meus proprios tijolos!!! Obrigado!!!

    Um amigo comentou comigo que, pode-se usar babosa para impermeabilizar parede de adobe, tb usei uma mistura de massa de adobe com cal e cimento-cola, não sei exatamente a proporcão, mas posso pesquisar e posteriormente escrever pra vcs…

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 14 de janeiro de 2011 at 11:45

      Olá Solano,
      Que bom que as dicas foram úteis. Garanto que você vai se encantar com o trabalho!
      Agradeço se puder compartilhar suas experiências.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  16. Posted by Cris on 21 de janeiro de 2011 at 14:03

    Olá Karen, gostaria de saber se existe algum tipo específico de terra ou posso utilizar qualquer tipo. Obrigada.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 23 de janeiro de 2011 at 8:59

      Olá Cris,
      Qualquer terra serve, desde que seja respeitada a proporção de 70% areia par 30% argila.
      Veja na postagem como fazer o teste da sua terra.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  17. Posted by Cris on 21 de janeiro de 2011 at 14:54

    Outra coisa, será que poderia envernizar no lugar de rebocar? Obrigada.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 23 de janeiro de 2011 at 9:05

      Olá Cris,
      A terra quando usada como material para construção apresenta uma importante característica que é promover o conforto térmico dos ambientes pela “respiração” da parede.
      No caso de você envernizar talvez essa características se perca, uma vez que você irá impermeabilizar o material.
      Além disso não tenho certeza se o verniz irá aderir ao barro.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  18. Posted by Miriam Luiza on 2 de abril de 2011 at 19:20

    Saudações agroecológicas!!
    Eu a parabenizo muito pela linda iniciativa de postar um passo-a-passo de tijolos de adobe! No meu caso está sendo de fundamental importância para escrever um projeto de casa agroecológica!! Estou tendo alguma dificuldade de achar uma revisão bibliográfica, em uma das respostas acima, você disse que tem livros de pedologia que falam sobre isso. Você poderia me direcionar e me indicar alguma literatura para essa revisão?
    Gratíssima,
    Miriam

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 15 de abril de 2011 at 10:52

      Oá Miriam,
      A informação sobre os livros de pedologia se refere mais especificamente às características de solos.
      Sobre construções ecológicas você pode consultar o Manual do Arquiteto Descalço de Johan van Lengen, procure informações sobre Gernot Minke, http://habitat.aq.upm.es/boletin/n5/afcas.html, http://www.monolithic.com, Ernst and Peter Neufert, Bioclimatismo no Projeto de Arquitetura: Dicas de projeto(Proarq -DTC FAU-UFRJ).
      Essas são algumas referencias que tenho.
      Boa sorte no trabalho.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  19. olá,
    Sempre apreciei as construções antigas (engenhos, fazendas), e, agora, como tenho uma casa parcialmente construída que preciso terminar, estou introduzindo nela algumas técnicas “do passado”.
    Vinha pesquisando nas últimas semanas sobre como fazer uma parede de pau-a-pique e como produzir meus próprios tijolos. Este sai, tenho certeza, tem as melhores informações de que preciso. Abraços,

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 21 de abril de 2011 at 20:59

      Olá Martin,
      De fato as técnicas “antigas” são fascinantes.
      Desejo sorte no trabalho.
      Fico feliz pelo artigo ter sido útil. Agradeço os elogios!
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  20. Posted by Kelly Tavares on 20 de abril de 2011 at 14:47

    Boa tarde, gostaria de parabenizar pela iniciativa e pela consciência de compartilhar conosco esse maravilhoso método.
    Quero construir minha casa e essa ideia é perfeita para o que eu quero.
    Que maravilha seria se outras pessoas tivessem consciência e disponibilizasse na internet mais ideias como essas.
    Parabéns

    Curtir

    Resposta

  21. Posted by romero melo on 24 de abril de 2011 at 20:26

    Boa noite, Karen.
    Sou cientista Político com uma grande inclinaçao por tudo que remete ao campo – acho que deveria ser agrônomo! Vi muitos comentários elogiosos e não os repetirei,mas, os endosso.
    Vou iniciar um projeto com um arquiteto que deverá se pautar no adobe. Tenho usado um belo livro “Manual do Arquiteto Descalço” que tem dados boas dicas. Você veio para somar.
    Parabéns.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 4 de maio de 2011 at 7:10

      Olá Romero,
      Agradeço pelas considerações!
      No que puder ajudar ficamos à disposição.
      O Manual de fato é muito bom mesmo e além dele existem já muitos trabalhos interessantes.
      Sucesso no projeto.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  22. aaaaaaaaaaaaaaamei a matéria estou cursando tecnico em agropecuaria e tudo q envolve terra natureza enfim coisas naturais e de suma importancia para mim..abrços gostaria de saber tbm se há nescessidade de colocar oos estercos ou eles poderão ser substituidos por algum outro material (ecologico } é claro…………

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 4 de maio de 2011 at 7:18

      Olá Orayde,
      Agradeço os comentários.
      Quanto ao esterco não tenho conhecimento de outro material que faça a mesma função.
      Vou pesquisar um pouco e em breve postarei uma matéria sobre o assunto.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  23. Olá, karen! O mundo precisa de muito mais pessoas como você.
    Creio que tu tens resolvido problemas de muitos, pois, isto é muito
    claro quando lemos o seu blog. Parabéns!

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 7 de julho de 2011 at 11:50

      Olá Paulo,
      Agradeço pelo incentivo.
      As pessoas estão por aí, mas às vezes não as encontramos com facilidade.
      Se posso ajudar fico feliz!
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  24. Posted by Manoel Santos on 7 de agosto de 2011 at 11:01

    Karen:
    Achei bastante interessante a sua idéia em utilizar uma betoneira para fazer a mistura do barro. Estou fazendo uma pesquisa de como o adobe era fabricado no período colonial e sei que existia uma espécie de “moinho” (movido por animal) que fazia a mistura. Você tem alguma informação a respeito?
    Manoel

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 8 de agosto de 2011 at 21:05

      Olá Manoel,
      Realmente facilitou o processo o uso da betoneira, que eu já tinha aqui na chácara.
      Não tenho conhecimento do uso do “moinho”, mas se me chegar alguma notícia postarei aqui no blog.
      Sucesso na sua pesquisa.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  25. Posted by maria mariana on 17 de agosto de 2011 at 14:11

    Amei estava a procura de tijolo vou fazer na feira tecnica da minha escola, esse tijolo e muito boooom AMEI

    Curtir

    Resposta

  26. Posted by Gilson Dias on 21 de agosto de 2011 at 14:53

    Morrei toda a minha infância em uma dessas casas no interior de Mato Grosso. Lembro perfeitamente como era agradável o ambiente, modestia a parte muito bem feita por meu pai “Pedreiro”. Depois de 33 anos adquirir o meu próprio Sítio e fiz questão que toda a casa seria de adobe, exeto o alicerce e banheiros para uma garantia duradoura. Toda coberta em telha de madeira e estrutura em madeira roliça (vara), com detalhe, cortada na lua nova para não criar cupins e fungos (acreditam?). Finais de semana ficou muito bem agradável em minha casa (01 cozinha, 02 salas, 05 quartos, 03 banheiros, 03 varandas).

    Gilson Dias – Paranatinga/MT Sítio “Julinho Dentista”

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 21 de agosto de 2011 at 16:43

      Olá Gilson,
      Agradeço a contribuição!
      Aqui na chácara as construções são tradicionais, feitas ao longo do tempo por meu pai que era engenheiro.
      Hoje acho que ele faria algumas coisas de maneira diferente, e é o que eu estou buscando.
      A solução é possível e viável, que o digam nossos avós!
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  27. Posted by Hévila on 23 de agosto de 2011 at 13:53

    Olá Karen, gostaria de saber se a forma para o tijolo tem fundo?
    Estamos fazendo essa esperiencia para feira tecnica,podemos fazer esta forma de material compensado?pois é para um esperiencia então gostaria de saber se precisa ser realmente este tipo de forma mais grossa?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 23 de agosto de 2011 at 14:03

      Olá Hévila,
      A forma não tem fundo. Você apoia sobre uma superficie firme, uma mesa por exemplo ou mesmo uma tábua mais larga que a forma sobre o chão.
      O material para fazer a forma pode ser o mais variado, o que é importante é que fique bem liso na parte interna para soltar o tijolo com facilidade.
      Não sei se o compensado seria a melhor opção porque a cada tijolo eu molho a forma e o compensado poderá acabar inchando, mas se não for usar muito até pode dar certo.
      Além disso a fixação das laterais pode ficar comprometida, então convém reforçar por fora.
      Bom trabalho na feira.
      Se tiver mais dúvida fique à vontade para perguntar. Fico à disposição no que for posível para ajudar.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  28. Posted by Hévila on 23 de agosto de 2011 at 13:58

    perdão experiencia é com X.dEUS ME LIVRE.

    Curtir

    Resposta

  29. Posted by Hévila on 23 de agosto de 2011 at 14:02

    GOSTARIA DE SABER TB SE ALGUEM PODERIA ME ENVIAR FOTOS DE CONSTRUÇÕES FEITA DE ADOBE ,POIS GOSTARIA DE EXPOR NA FEIRA.
    GRATA

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 23 de agosto de 2011 at 14:05

      Se você entrar no google em imagens e digitar adobe vai achar muita coisa.
      Vou dar uma olhada em meus arquivos e se tiver algo interessante encamino para seu e-mail.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  30. Posted by Luiz Cardoso on 28 de agosto de 2011 at 23:45

    Achei interessante a proposta e moro em um condomínio na cidade de SP, onde fica inviável conseguir esterco ou palhas para a construção dos tijolos.Existe um outro material alternativo que eu possa usar para dar liga nos tijolos?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 29 de agosto de 2011 at 12:37

      Olá Luiz,
      A palha pode ser um fardo ed feno de capim que vc encontra em casas de ração.
      O esterco talvez seja mais complicado, mas você pode tentar conseguir em alguma floricultura.
      De imediato não posso me lembrar de substitutos para esses materias, mas vou pesquisar e posto aqui no blog.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  31. Posted by Sonia Oliveira on 17 de setembro de 2011 at 21:52

    Achei muito interessante a ideia do adobe e gostaria de construir uma pequena loja, para montar uma floricultura mas, tenho dúvidas quanto ao acabamento.
    Gostaria muito de sugestões.
    Obrigada!

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 21 de setembro de 2011 at 11:09

      Olá Sonia,
      O acabamento sobre o adobe pode ser o reboco da própria massa, pintura natural e eventualmente até cerâmica.
      Sou pouco versada nesse assunto, então recomendaria que desse uma pesquisada sobre mais informações nos links da Casa da Montanha e Bioarquiteto.
      Sucesso na empreitada.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  32. olá,!!!!!Que Bom que existem pessoas Tão Lindas,de tanta Luz!KAREN, que Deus te abençoe e com certeza está ao seu lado,Voçe mereçe tudo de bom!PARA essa pessoa q falou logo oacima,q mora em sp\cidade,trabalhei com Projetos Sociais,horta organica em sp\capital, e nós conseguimos Esterco na USP(incrivel)!,sugiro:contatos com os Dep.da USP-agronomia e outros,fale com o pessoal da secretaria do verde e meio ambiente, q eles te orienta melhor, (Não é vendido, eles doam o esterco).Minha dúvida Karen: esse capim\palha,etc…é moido?afinal,ele é grande(10,20cm)?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 21 de setembro de 2011 at 11:14

      Olá Neuza,
      Agradeço as bençãos, elogios e informações!
      Quanto à palha, é inteira mesmo.
      Os “fios” da palha dão resistência ao tijolo, por isso devem permanecer inteiras mesmo.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  33. Ola’ Karen, você removeo do fundo de mim aquilo que eu vi meu Pai fazer ha’
    60 anos.Que alegria medeu, pareceu-me acordar de um lindo sonho.
    PARABENS.

    José Lopes.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 22 de setembro de 2011 at 18:27

      Olá José,
      Fico muito feliz quando recebo comentários assim.
      Não tenho esse histórico familiar, mas sei que muitas pessoas tem, mas às vezes nem se lembram.
      Resgatar saberes e lembranças faz com que as tradições não s epercam e assim podemos construir um novo amanhã mais iluminado.
      Boas lembranças pra você!
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  34. Posted by Patricia Leão on 3 de outubro de 2011 at 0:15

    Olá Karen,
    Entrei aqui por que quero fazer uma pérgola em meu quintal, bem rústica, que me remeta à paz do interior,onde eu possa ter “uma casa no campo”. Vejo que muitos internautas blogaram pedindo uma alternativa para o esterco.Também achei um site de um pessoal de portugal, onde até hoje se constrói bastante com adobe e taipa. Lá não ví nenhuma menção ao esterco e sim à adição de cal ao barro. Será que tem a tem a mesma função? Vc já viu alguma coisa nesse sentido? Outra dica: o piso onde quero levantar minha parede (na verdade será um muro paralelo a outro já existente, que está bem irregular e mal construído) está cimentado. Então pergunto: tenho que fazer uma nova fundação com material menos permeável? Pensei apenas em “chumbar” umas travas, à medida em que as fiadas vão sendo assentadas, paa amarrar uma parede na outra. Acha que essa última hipótese vai dar certo?
    Parabéns pelo trabalho cuidadoso e toda a repercussão que vem alcançando.
    Obrigada desde já,
    Patricia Leão

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 17 de outubro de 2011 at 20:40

      Olá Patrícia,
      Antes de mais nada peço desculpas pela demora na resposta.
      Suas dúvidas são muito pertientes e não queria responder sem um bom conhecimento de causa.
      Fui pesquisar um pouco sobre o uso da cal e acabei encontrando muitas informações interessantes.
      Estou elaborando um texto com informações mais detalhadas sobre construções com terra com a intenção de esclarecer algumas dúvidas recorrentes aqui no blog, como por exemplo o uso ou não do esterco e seus substitutos.
      Acredito que nesse texto suas dúvidas sobre a pérgola também serão esclarecidas.
      Agradeço a paciência!
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  35. Prezada Karen,
    Comecei a trabalhar com barro depois de conhecer seu site; fiquei encantado. Não cheguei a fazer ainda os tijolos, mas “reboquei” várias paredes da minha casa com terra. Supondo que muitos alimentem dúvidas quanto à mistura, gostaria de dar meu “testemunho”:
    1. A terra não precisa ser nada de muito especial, desde que não seja preta, e que se respeite mais ou menos a sua (Karen) fórmula;
    2. Esterco de cavalo (que é o que eu uso) não dá mau cheiro nenhum. Na verdade, deixa um pouco de cheiro forte nas mãos durante a aplicação, mas nada que água e sabão não resolvam. Na primeira semana, a parede tem cheiro de capim, de roça, que poderia durar para sempre, mas depois o cheiro desaparece. Cheiro de cocô, o temor de muitos, não tem;
    3. A massa do reboco é aplicada com as mãos. Ela é jogada na parede para, em seguida, ser alisada. Como não há cal na massa, também não há risco de desgastar as mãos;
    4. Outra vantagem é o ganho de tempo: eu chego a fazer 4m quadrados de reboco por hora. Uma massada de 4 latas (de tinta de 18l) de terra, 2 de areia e uma de esterco dá para fazer quase 9m de reboco. É muita coisa.
    5. Por fim, a terra tem mais uma vantagem: a cor. Fiquei com umas paredes vermelhas lindas, que tenho dó de rebocar.

    Abraços,
    Martin
    martinwinter@bol.com.br

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 24 de outubro de 2011 at 22:42

      Olá Martin,
      Agradeço muito por compartilhar essas informações.
      É assim que conseguimos motivar os iniciantes nesse oficio tão agradável e gratiificante!
      Continue contando seus progressos.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  36. Posted by rafael on 21 de novembro de 2011 at 23:46

    Achei interessantissimo o modo como foi apresentado passo a passo a fabricação desta maravilha da natureza em seu site e tb o modo como as pessoas se interessaram em fazer acontecer, difundir a ideia, achu q eh o grande objetivo de todos aqueles q trabalham com as tecnicas da biocontrução…Queria parabenizar voce pelo trabalho primeiramente…recentemente comecei minhas experiencias com bioconstrução na casa d um amigo, mas em pequena escala…construimos um espiral de ervas feito de pedras e uma massa de terra basicamente bastante argilosa…percebi q a massa rachou na maioria das vezez muito rapidamente..foi usada somente para reboco…tenhu uma duvida q eh a seguinte… a terra eh composta por areia e argila certo? na composição do tijolo voce cita terra, areia, esterco e palha… gostaria de saber qual o tipo de areia utilizada e se o percentual de areia presente na argila ja faz parte da areia da receita ou se serve somente para a analise da terra?
    agradeço desde já!

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 23 de novembro de 2011 at 22:20

      Olá Rafael,
      A terra é basicamente composta de areia, silte e argila.
      A areia é a particula maior, menos itemperizada, o silte é uma paticula intermediária e a argila é a particula mais fina e intemperizada.
      Para a fabricação dos tijolos e para as demais técnicas usadas na construção com terra crua o teor de areia deve ser em torno de 60 a 70% e a argila entre 30 e 40%. Isso quer dizer que é uma terra arenosa.
      Quando a terra é muito argilosa, ao secar a endência é rachar.
      A terra que teho disponível aqui é argilosa, por isso adicionei areia para chegar à proporção ideal, por isso a receita é terra, areia, esterco e palha.
      Se a terra disponível for muito arenosa é necessário adicionar argila.
      A areia que usei é areia de construção peneirada.
      Espero que continue com as experiências e desejo sucesso.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  37. Posted by junior on 27 de novembro de 2011 at 9:42

    gostaria de saber onde eu compro tijolo adobe proximo a belo horizonte

    Curtir

    Resposta

  38. Posted by firmiano on 15 de janeiro de 2012 at 13:28

    tem um detalhe que se usa eh embrechar (ou encacar) a parede.nada mais eh que colocar cacos de telhas ou lajotas(entulho) entre os adobes durante o assentamento.Assim fica melhor para rebocar se for o caso ate assentar tijolos em um banheiro.Em casas antigas de mais de 130 anos aqui na regiao se usava uma areia extremamente grossa. Sds terraqueas!

    Curtir

    Resposta

  39. Posted by Sabrina on 23 de janeiro de 2012 at 13:38

    Olá. Fiz uma colheita de feijão a pouco tempo e gostaria de saber se posso utilizar a palha do feijão, moída, para fabricação do adobe…Desde já agradeço.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 25 de janeiro de 2012 at 22:15

      Olá Sabrina,
      Não indicaria essa palha para o adobe.
      A palha serve como estabilizante físico, portanto deve ser uma palha “longa” e de boa durabilidade, o que você não consegue com uma palha picada/moída.
      A palha de gramíneas (capim) seria mais indicada.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  40. Olá Karem,
    Meu nome é claudio e estou morando em Bambuí´/MG a 4 meses.
    Meu sogro é proprietario de uma fazenda.
    Eu e minha esposa acabamos de iniciar um projeto – espaço – Flor de ipê. que integra um agronegocio de temperos livres de agotóxico, permacultura e turismo educacional.
    sou proprietario de uma empresa de turismo – já prestamos serviço para uma escola local. Estamos nesnte momento aprofundando os estudos sobre a permacultura: técnicas e experimentos. plantio de temperos usando tecnicas sem o uso de agrotoxicos.
    gostraia de um email seu para iniciarmos os contatos

    lficamos encantados com as informações oferecidas no site e gostariamos de falar mais a respeito de nosso projeto.

    um grande abraço:

    Claudio e Burna – flor de ipê.

    ps – já temos plantadas mais de 200 mudas de ipê de todas as cores – acreditamos que no ano que vêm – 2013 a floração aconteça pela primeira vez..
    vai ficar lindo né!

    Curtir

    Resposta

  41. Posted by Ana S. Castro on 14 de março de 2012 at 19:48

    Olá Karen, que bom que existe pessoas como você que gosta de compartilhar.
    Fiquei muito feliz em achar seu post pois sou adepta do fazer e criar.
    Eu e meu marido somos ceramistas e fundidores e estamos com um projeto de contruir um tijolo que seja refratário e isolante ao mesmo tempo.
    Minha pergunta é a seguinte: Esse tipo de tijolo (adobe) poderá ser queimado para que a palha presente na massa possa ser queimada e assim criar vacuo para o isolamento termico? Ou ele tende a rachar? Seria possivel adicionar cimento a massa para corrigir possiveis rachaduras?
    Obrigada desde já e novamente parabenizo você por essa grande iniciativa.

    Abraços

    Ana S.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 20 de abril de 2012 at 15:56

      Olá Ana,
      Depois de tanta demora na resposta imagino que talvez até já tenha feito algum teste!
      Não sei dizer qual será a “reação” do tijolo em relação à queima.
      Não acredito que o cimento seja a melhor soloção para as rachaduras. No tijolo de adobe a própria palha funciona como estabilizador físico, além das proporções adequadas de material.
      Geralmente quando abusamos da argila, ao secar ocorrem as rachaduras. Se a areia for mais do que 70% talvez nem se forme o tijolo.
      Como diria meu amigo Jorge, prove, isto é, vá tentando atá conseguir uma resposta!
      Boa sorte na empreitada.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  42. Posted by Marcos dos Santos Pires on 21 de março de 2012 at 8:02

    Estive no Chile, no deserto do Atacama, e lá na cidade de San Pedro todas as casas são feitas de adobe, inclusive o hotel onde eu fiquei hospedado. Eu me apaixonei pelo lugar. Até então nunca tinha ouvido falar desse tipo de construção. Parabéns pela matéria!

    Curtir

    Resposta

  43. Posted by Wander Marcilio on 21 de abril de 2012 at 13:23

    Ola, Sou Wander de Ilha Grande e gostaria de construir minha casa com alguma tecnica de sustentabilidade e então vi essa materia e gostei. Como sou ceramista e quero fazer meus proprios tijolos estou vendo todas as possibilidades. Gostaria de saber se estes tijolos poderiam ser queimados para ficarem expostos, ou seja, sem reboco. Parabéns pela materia e um grande abraço.

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 14 de junho de 2012 at 22:46

      Olá Wander,
      O que posso dizer é que não sei como o tijolo reage à queima.
      Você sempre pode ir tentando e experimentando para ver no que dá.
      Agradeço o contato.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

    • Olá Wander,
      não tenho conhecimento relacionado com levar estes tijolos ao forno. Na Tanzânia, por exemplo, o tijolo artesanal é cozido. Eu vi. Há uma outra alternativa. Estabilizar o tijolo de adobe com cal ou cimento (3% a 6%). Com o tempo dá-se uma “cura” do tijolo, um tanto semelhante ao que acontece com o cimento. O tijolo de adobe também pode ser estabilizado com cimento (mais ou menos as mesmas proporções). Quando estabilizado o tijolo acaba aguentando muito mais o tempo, mas é preciso deixá-lo curar.
      Outra alernativa seria o tijolo de terra compactada. Já considerou?
      Espero que isto ajude. Há muita literatura sobre estes tijolos e o adobe.
      Tente procurar no site da UN e da Universidade de New Mexico nos EUA, bem como no site da Deutsche Gesellschaft für Technische Zusammenarbeit (GTZ) GmbH.

      Curtir

      Resposta

  44. Posted by isac borges on 30 de abril de 2012 at 13:49

    olá tudo bem?
    parebens pela postagem… ela esta sendo muito ultil pra todos nós!
    eu keria saber se posso fazer o banheiro de adobe tbm… ja q o banheiro tem chuveiro e torneiras, se isso nao ia prejudicar a estrutura (amolecer a massa ou ate a desintergraçao da mesma) e quanto a alvenaria, eu poderia fazer com o adobe ou eu teria q fazer com tijolo de cimento?!!!
    obrigado! e parabéns vc esta salvando a minha alma!

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 14 de junho de 2012 at 22:27

      Olá,
      Já ouvi dizer que é possível sim faer o banheiro com adobe, mas exige alguns cuidados quanto à impermeabiliação, mas não tenho dados exatos sobre como fazer.
      De uma olhada no blog da Casa da Montanha que talvez encontre boas soluções.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  45. Karen,
    posso publicar esta informação no meu blogue http://steppingforwardarchitecture.blogspot.pt/ ?
    Aguardo sua resposta.
    Obrigado,
    ‘nando

    Curtir

    Resposta

  46. Posted by Fernando on 7 de maio de 2012 at 17:44

    preciso fazer um muro…. mas com esta massa de adobe quero fazer os sacos… quanto tempo fica secando e qual a resistência, já que é a grande preocupação.

    parabéns pelas dicas e explicações

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 14 de junho de 2012 at 22:18

      Olá Fernando,
      Caso vá utilizar sacos você estará faendo o que chamamos de superadobe. A mistura é colocada seca nos sacos que devem ser empilhados e bem socados. Entre as fileiras de sacos coloque arame farpado. Se pesquisar pelo nome de superadobe vai encontrar bastante coisa iteressante.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  47. Posted by Adeilton César de Melo on 30 de maio de 2012 at 16:41

    Olá pessoal,gostei demais do que vi aqui! Estava procurando uma receita para fazer adobe e não estava com fé que encontraria,não,mas, para minha surpresa,encontrei tudinho que estava precisando.Parabéns para todos os envolvidos nesse projeto.Que Deus abençoe vcs. Ah,outro dia vi na televisão um projeto de uma horta suspensa e feita com garrafas pets,gostaria muito de receber algumas instruções para colocar em prática esta minha tão sonhada horta.Moro em um apartamento e tenho uma bela “sacada” e gostaria de utilizá-la para dar uma melhor qualidade de vida para minha família,ao menos na alimentação.Já acumulei umas setenta garrafas pets para o projeto,só me falta a técnica correta para escolher a terra e as sementes. Aguardo respostas.Um grande abraço do amigo César!

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 14 de junho de 2012 at 22:14

      Olá Adeilton,
      Sempre que vamos trabalhar com “vasos” a recomnedação sobre a mistura de terra é de 1/3 de terra comum, 1/3 de areia e 1/3 de composto. É uma mistura básica que serve para a maioria das espécies cultivadas em recipientes.
      Pelo volume das garrafas diria para vc plantar espécies folhosas como alface e rúcula, temperos em geral e talvez morangos.
      Agradeço o contato e desejo sucesso no seu projeto.
      Karen

      Curtir

      Resposta

  48. b noite. quero te parabenizar. pois vc deve tar acertado
    de ñ ter ajudado a poluir o ar,e deixando a sua casa mais fresca

    Curtir

    Resposta

  49. Posted by DEVAS PRADO on 7 de julho de 2012 at 16:38

    olá vou morar numa chacarra e pretendo construir uma casa de adobe de 30x15x10 ou 40x20x15:qual é a melhor medida e num solo com porcentagem ideal de areia e argila qual a porcentagem de cimento colocar visto que não pretendo usar palha nem esterco e gostaria de receber mais orientações visto não ter pouco conhecimento?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 7 de julho de 2012 at 23:38

      Olá Devas,
      Gosto mais das medidas menores pois facilita o manuseio. Blocos muito randes também são masi pesados e demoram mais para secar.
      Quanto ao cimento não sei informar.
      Visite o blog da Casa da Montanha. Lá você vai encontar muita informação.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  50. Posted by DEVAS PRADO on 7 de julho de 2012 at 16:40

    OLÁ AS MEDIDAS QUE POSTEI SÃO DO BLOCO

    Curtir

    Resposta

  51. b noite. tem uma dica bastante interessante, para saber a porcentagem que existente no barro, coloque :agua +sal e o barro, em um recepiente e agite. verás a quantidade existente de areia , argile e material organico. ficam separados por camadas.

    Curtir

    Resposta

  52. Posted by Mariana on 17 de julho de 2012 at 15:17

    Olá!! Ótimo material e parabéns por contribuir com o desenvolvimento sustentavel. Estou fazendo um trabalho academico com a elabora de um projeto sustentavel, gostaria de saber onde esse tijolo é produzido e onde é comercializado. Obrigada!

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 18 de julho de 2012 at 21:38

      Olá Mariana,
      Os tijolos que aparecem nas fotos forma feitos aqui na chácara mesmo.
      Não sei informar onde se pode comprar os tijolos.
      Sucesso em seu trabalho.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  53. oi minha casa e feita de tijolo de barro fabricado e queimado em casa.quero saber se posso rebocar-la com areia argila e esterco e palha

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 17 de agosto de 2012 at 22:50

      Olá Maria Veronica,
      De modo geral a massa para assentar os tijolos é a maesma usada para fabricá-los, porém não sei exatamente como irá funcionar com o tijolo queimado.
      De uma olhada no blog da Casa da Montanha. O pessoal tem praticado mais que eu e talvez possa lhe dar informações mais específicas.
      Sucesso na empreitada!
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  54. Posted by pilar milla on 9 de outubro de 2012 at 14:02

    Sou grata a mãe natureza e ao criador por existirem pessoas iluminadas como você
    não vou perguntar nada.Só agradecer a sua existencia e o amor com que compartilha suas experiencias…obrigada

    Curtir

    Resposta

  55. Posted by ualber on 13 de outubro de 2012 at 2:03

    este tijolo depois de seco pode ser queimado no forno pra ficar mais resistente?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 27 de novembro de 2012 at 18:33

      Olá Ualber,
      Nunca queimei o tijolo, logo não sei dizer se isso funciona, entretanto gostaria de salientar que a idéia é utilizar o tijolo cru mesmo, como alternativa aos tijolos convencionais, que demandam uma grande energia na queima.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  56. Posted by Italo Ramires Lima Pereira on 28 de novembro de 2012 at 10:26

    Bom dia Karen….eu tenho um terreno e estou querendo construir um sitio…uma casa bem grande com 5 quartos banheiros e tal….me responde so uma coisa,quando começar o periodo de chuva nao corre o risco do tijolo de adobo ficar mole e consequentemente se desmanchar???

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 4 de dezembro de 2012 at 23:18

      Olá Italo,
      As construções feitas com terra crua correm sim o risco de “desmanchar” caso não se tomem as devidas providências de proteção.
      Deve sempre ser feito um alicerce com material resistente à água (cimento, pedra) que isole os tijolos do contato direto com o solo, e o telhado deve ter beiral para proteger as paredes da chuva.
      Com esses cuidados evitam-se muitos incômodos.
      para saber mais visite o blog da Casa da Montanha.
      Sucesso na empreitada!
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  57. Posted by lincoln on 3 de dezembro de 2012 at 9:16

    Bom dia, gostaria de saber se este tijolo é suficientemente forte para ser estrutural, ISTO É, suportar lagece telhado. Obrigado.
    Lincoln

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 4 de dezembro de 2012 at 23:21

      Olá Lincoln,
      Não tenho notícia sobre uso de laje tradicional sobre tijolos de adobe e não saberia dizer se isso é possível.
      Faça uma visita nos blogs Casa da Montanha e BioArquiteto, Acredito que o Jorge e o Tomaz poderão informá-lo melhor.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  58. Posted by Antonio on 28 de janeiro de 2013 at 18:38

    É possível usar esse tijolo para fazer uma churrasqueira artesanal?

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 6 de fevereiro de 2013 at 21:49

      Olá Antonio,
      Acredito que seja possível usar sim, mas como tenho pouca prática no assunto sugiro que de um “passeio” nos links da Casa da Montanha e no Bioarquiteto.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  59. Em Portugal, a rocha calcária é abundante e, por isso existem fornos no campo para a transformarem em cal . A cal antes de entrar em contacto com a água chama-se CAL VIVA . Em contacto com a água a cal desenvolve muito calor e é preciso ter muito cuidado . As projecções dos salpicos podem provocar queimaduras graves .
    Nas construções com adobes ,costuma-se “apagar” a cal juntamente com sebo . Esta mistura é aplicada ainda quente nas paredes exteriores , com um pincel grande . Esta mistura impede que a chuva desfaça o adobe porque a água desliza .
    O artesanato consiste em utilizar as matérias primas existentes em cada local.
    Em Portugal utiliza-se apenas barro com palha , Noutras regiões do mundo , utilizam excrementos de animais herbivoros para tornar impermiável , como cá existe cal . . . Espero ter ajudado e não levem a mal usar este site para isso

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 21 de julho de 2013 at 14:45

      Prezado Jeronimo,
      Agradeço muitíssimo sua colaboração.
      Todo conhecimento compartilhado é bem vindo e a experiência de cada um sempre vem somar.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  60. Muito obrigado, agora eu entendi como se forma um tijolo de adobe. Moro em uma roça urbana, pois fica a 40 km da capital. Engraçado como pessoas que nascem ou se mudam para regiões assim desconhecem por completo o processo de confecção de um tijolo de “adobe” assim como a construção de um forno de lenha..

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 20 de agosto de 2013 at 21:34

      Olá Francisco,
      De fato, depois que saímos do “mato” esquecemos coisas muito simples. As técnicas de construção com terra crua foram estigmatizadas como “coisa de pobre”, mas podemos observar que elas estão voltando especialmente por serem técnicas de menor impacto ambiental e econômico (para os proprietários construtores). Existem ainda hoje por todo o Brasil inúmeras construções muito antigas feitas com adobe e outras técnicas que comprovam sua eficiência e confiabilidade como alternativa construtiva.
      Agradeço a visita.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  61. Posted by Walney Paiva on 8 de outubro de 2013 at 12:00

    Olá, Karen.
    Posso, depois de retirar um reboco antigo de uma parede de adobe, já danificado por anos de intempéries, refazer este com argamassa de cimento e areia (como o usado hoje em dia) ? Se sim, há a necessidade de aplicação de algum produto para ajudar na fixação deste novo material ? Em tempo, a parede se encontra em ótimo estado.
    Grato,
    Walney

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 23 de outubro de 2013 at 19:58

      Olá Walney,
      Sugiro que encaminhe suas dúvidas para o pessoal de Yvyporã (yvypora.wordpress.com) e/ou para bioarquiteto.com.br.
      Eles tem mais experiência no assunto e poderão ajudá-lo.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  62. Posted by Ludmila on 11 de outubro de 2013 at 17:07

    Karen,
    Estou querendo construir um muro de adobe e estou com muitas duvidas sobre o processo construtivo.
    Voces tem alguma dica?
    Para um muro de longa extensao e altura de 2,3m como estruturar? Pilares etc.
    Atenciosamente

    Curtir

    Resposta

  63. […] simples e duplas de madeira. As dimensões são 20cm x 10cm x 10cm. O PREPARO Para preparar a massa faça uma pequena depressão no solo e cubra com uma lona plástica grande. Coloque os […]

    Curtir

    Resposta

  64. Posted by Paulo Costa on 21 de janeiro de 2014 at 5:35

    Ola Karen, tenho dificuldade ao soltar os tijolos das formas, pois eles ficam quase colados. O uso de areia pulverizada na forma seria solução? Att Paulo

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 22 de janeiro de 2014 at 15:08

      Olá Paulo,
      Quando fiz meus tijolos não tive problemas para desenformar.
      As formas foram bem lixadas por dentro, evitando asperezas e reentrâncias.
      Elas devem ser molhadas antes de colocar a massa e durante todo o período de trabalho as formas vazias ficavam em um balde com água até serem enchidas.
      O ponto da massa também é importante, não pode ficar muito molhada e a massa não fica muito tempo na forma.
      Se começa a grudar de uma lavada na forma.
      Acredito que deve resolver assim. Não posso dizer nada sobre a areia, pois nunca usei.
      Desejo sucesso.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  65. Posted by Henrique Oliveira on 27 de janeiro de 2014 at 15:40

    Olá sou o Henrique e gostava de desenvolver este material. Já tinha conhecimento do material e de como é feito. Falo em desenvolver porque pode-se fazer mais algo, por exemplo (muro á vista com junta refundada) o que quer dizer que tenho que fazer uma alteração no molde. posso isolar com hidrofugante os adobes para não apanharem verde-te ??

    Curtir

    Resposta

    • Posted by Karen on 6 de fevereiro de 2014 at 9:14

      Olá Henrique,
      Desejo sucesso na empreitada.
      Sugiro que faça muitos testes, pois só assim se pode verificar a viabilidade das propostas.
      Sds,
      Karen

      Curtir

      Resposta

  66. Bom dia Karen, estou desenvolvendo uma forma para tijolo 21x10x5 cm em chapas de aço inox com mistura: saibro, areia, cimento e cal. Estou deixando as faces internas da forma muito bem polidas para facilitar a saida do tijolo, assim que fizer o teste te mandarei o resultado. Att. Paulo

    Curtir

    Resposta

  67. Posted by André on 27 de fevereiro de 2014 at 11:25

    olá Karen, se puder responder:
    1 gostaria de saber de que tamanho devo cortar os pedaços de palha?
    2 recebi uma terra que é puro silte, era pra completar o alicerce, dai sobrou bastante, fiz o teste e nem areia vi, virou algo semelhante a chocolate rs, posso usar essa terra???
    grato!!!

    Curtir

    Resposta

  68. Posted by Guilherme on 2 de abril de 2014 at 23:04

    Karen, parabéns!
    Suas informações são muito importantes, as construções com adobe quando bem cuidadas duram bastante – eu mesmo herdei uma casa de adobe que foi feita pelo meu pai há mais de oitenta anos, e esta construção continua ainda sólida.

    Curtir

    Resposta

  69. Posted by ronaldo amaral on 28 de abril de 2014 at 11:35

    Obrigado pela sua contribuição. estou fazendo um fogão para pizza e quero experimentar esse tijolo. Muito obrigado, um forte abraço e saúde
    ronaldo

    Curtir

    Resposta

  70. […] preparar a massa faça uma pequena depressão no solo e cubra com uma lona plástica grande. Coloque os […]

    Curtir

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 212 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: